Índice de Projectos

  • 2009/2010 : Projecto Europeu: Let´s do it Creativily
  • 2009/2010 : Projecto Europeu: Intercultural Patchwork
  • Nota Arte-Via

Projecto europeu envolveu 50 aprendentes durante dois anos

Agência Nacional louva trabalho da Arte-Via

A Agência Nacional PROALV – Programa Aprendizagem ao Longo da Vida louvou o trabalho da Cooperativa Arte-Via, da Lousã, enquanto entidade coordenadora do projecto europeu de mobilidade Roots and Wings (Raízes e Asas), tendo destacado “a elevada participação e envolvimento de aprendentes”.

Ao analisar e aprovar o relatório final das actividades promovidas pela Arte-Via no âmbito daquele projecto, uma parceria de aprendizagem integrada no programa Grundtvig, que terminou em Maio de 2008, na Escócia, a PROALV realçou o “sucesso e interesse” do Roots and Wings, que envolveu nove instituições de seis países da União Europeia: Portugal, Alemanha, Áustria, Escócia, Finlândia e Espanha.

“A execução do projecto ultrapassou o número de mobilidades previstas, ficando demonstrada a mestria da entidade ao nível da gestão financeira dos montantes atribuídos e da sua valorização para a concretização dos objectivos do projecto”, de acordo com uma apreciação escrita enviada, no dia 05 de Janeiro, à cooperativa lousanense.

A Agência Nacional salienta a “qualidade e pertinência de boa parte dos produtos elaborados durante a execução do projecto” e considera que “este atingiu plenamente os seus objectivos”.

O Roots and Wings durou dois anos e teve como prioridade a mobilidade de adultos aprendentes, de forma a contactar com outros povos e culturas.

Da parte portuguesa, envolveu meia centena de pessoas, entre os 20 e os 92 anos, maioritariamente residentes na Lousã, mas também alguns participantes oriundos de Coimbra, Vila Nova de Poiares e Miranda do Corvo.

Na Lousã, o projecto teve como ponto alto o seminário internacional Roots and Wings, em Março de 2007, alusivo ao Dia Internacional da Mulher e ao Ano Europeu para Igualdade de Oportunidades, que decorreu durante quatro dias no Hotel Meliá Palácio.

A presidente da Direcção da Arte-Via

Ana Filomena Amaral

  • Arte-Via em Madrid - participação no Projecto Grundtving-2, 5-8 de Março

Veja as Fotos

Foto 1

Foto 2

  • Projecto Europeu "Roots and Wings" encerra na Escócia

Arte-Via - Projecto Europeu “Roots and Wings” encerra em Falkirk, na Escócia

O projecto europeu Grundtvig 2 “Roots and Wings” teve o seu último encontro de 20 a 25 de Maio, em Falkirk, na Escócia. Nele participaram elementos dos cinco países parceiros, nomeadamente, Alemanha, Escócia, Áustria, Espanha e Portugal. Em representação da instituição portuguesa, com sede na Lousã, Arte-Via Cooperativa Artística e Editorial, coordenadora europeia do projecto, estiveram a presidente da direcção, Ana Filomena Amaral e a presidente da assembleia geral, Tchum Nhu Lien.

Este projecto, que começou em Julho de 2006, tinha como objectivo prioritário o contacto entre adultos aprendentes, formadores e responsáveis das diversas instituições parceiras, de ensino informal, no sentido de promover o intercâmbio de ideias experiências e culturas e, ainda, fomentar o interesse pela aprendizagem ao longo da vida, linha directriz do programa Grundtvig.

Dos vários produtos finais que resultaram do projecto, destacamos a edição de um livro com as comunicações do seminário internacional, “Roots and Wings”, realizado em Março de 2007, na Lousã, organizado pela Arte-Via, o site com o mesmo nome, da responsabilidade das instituições austríacas, nomeadamente o arquivo e a biblioteca municipais de Dornbirn, a exposição internacional, em Pozuelo de Alarcon, Espanha, organizada pela escola oficial de adultos, CEPA, em Março de 2008 e, ainda, a semana do adulto aprendente, em Falkirk, na Escócia, realizada na última semana, pela autarquia local e várias instituições que se dedicam ao ensino informal de adultos, não só daquela cidade, mas também de Edimburgo.

Em jeito de balanço final, por parte da Arte-Via Cooperativa, em todo o projecto, estiveram envolvidas cerca de quarenta pessoas, entre aprendentes, formadores, dirigentes e colaboradores. Durante estes dois anos, 35 pessoas deslocaram-se aos diversos encontros na Áustria, Espanha, Finlândia e Escócia, a expensas do subsídio atribuído pela Agência Nacional Sócrates Leonardo Da Vinci à Arte-Via.

Na última reunião de trabalho, em Falkirk, ficou a vontade, de todos os parceiros continuarem a manter esta união tão profícua, através da apresentação de uma nova candidatura conjunta. Por parte da nossa instituição essa mesma vontade foi expressa da seguinte forma: Nascemos com raízes finas e débeis, crescemos com troncos fortes e ágeis e com grandes asas abraçamos o mundo…

Raízes e Asas (Roots and Wings)!

Roots and Wings

  • Arte-Via em Madrid - Pozuelo de Alarcón (Madrid)

Veja as Fotos

  • Projecto europeu envolveu 50 aprendentes durante dois anos

Agência Nacional louva trabalho da Arte-Via

A Agência Nacional PROALV – Programa Aprendizagem ao Longo da Vida louvou o trabalho da Cooperativa Arte-Via, da Lousã, enquanto entidade coordenadora do projecto europeu de mobilidade Roots and Wings (Raízes e Asas), tendo destacado “a elevada participação e envolvimento de aprendentes”.

Ao analisar e aprovar o relatório final das actividades promovidas pela Arte-Via no âmbito daquele projecto, uma parceria de aprendizagem integrada no programa Grundtvig, que terminou em Maio de 2008, na Escócia, a PROALV realçou o “sucesso e interesse” do Roots and Wings, que envolveu nove instituições de seis países da União Europeia: Portugal, Alemanha, Áustria, Escócia, Finlândia e Espanha.

“A execução do projecto ultrapassou o número de mobilidades previstas, ficando demonstrada a mestria da entidade ao nível da gestão financeira dos montantes atribuídos e da sua valorização para a concretização dos objectivos do projecto”, de acordo com uma apreciação escrita enviada, no dia 05 de Janeiro, à cooperativa lousanense.

A Agência Nacional salienta a “qualidade e pertinência de boa parte dos produtos elaborados durante a execução do projecto” e considera que “este atingiu plenamente os seus objectivos”.

O Roots and Wings durou dois anos e teve como prioridade a mobilidade de adultos aprendentes, de forma a contactar com outros povos e culturas.

Da parte portuguesa, envolveu meia centena de pessoas, entre os 20 e os 92 anos, maioritariamente residentes na Lousã, mas também alguns participantes oriundos de Coimbra, Vila Nova de Poiares e Miranda do Corvo.

Na Lousã, o projecto teve como ponto alto o seminário internacional Roots and Wings, em Março de 2007, alusivo ao Dia Internacional da Mulher e ao Ano Europeu para Igualdade de Oportunidades, que decorreu durante quatro dias no Hotel Meliá Palácio.

A presidente da Direcção da Arte-Via

Ana Filomena Amaral